STI - Secretaria de Tecnologia da Informação

 

A Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) planeja, coordena e supervisiona a gestão da tecnologia da informação na DPU. Acompanha os processos de trabalho da Defensoria Pública-Geral da União e das Unidades na área. Propõe diretrizes e normas, bem como estabelece critérios, parâmetros e modelos a serem adotados em tecnologia da informação.

Secretário de Tecnologia da Informação: Osmar Quirino da Silva
Secretário substituto: Peter Lee Bragança
Telefone: (61) 3318-4387
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Coordenações

Coordenação de Governança e Gestão | Florângela Cunha Coelho | 3318-0208

  • Divisão de Gerenciamento e Estrat. e Contratos
  • Divisão de Projetos de Tec. da Informação
  • Divisão de Planejamento e Procedimentos 

Coordenação de Infraestrutura Tecnológica | Cassio de Paula Cunha | 3318-4369

  • Divisão de Ativos de Infraestrutura
  • Divisão de Gerencia e Segurança de Redes
  • Divisão de Monitoramento e Gerenciamento de Incidentes
  • Divisão de Infraestrutura de Aplicações e Banco de Dados
  • Divisão de Suporte de Apoio ao Usuário
  • Divisão de Telecomunicações
  • Núcleo de Apoio ao Usuário

Coordenação de Sistemas | Peter Lee Bragança | 3318-7623

  • Divisão de Arquitetura de Sofware
  • Divisão de Qualidade e Teste de Software
  • Divisão de Desenvolvimento de Software

Regimento

SUBSEÇÃO VI

DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Art. 61. À Secretaria de Tecnologia da Informação compete:
I. planejar, coordenar e supervisionar as atividades de gestão da tecnologia da informação no âmbito da DPU, e propor diretrizes e normas, estabelecer critérios, parâmetros e modelos a serem adotados na execução dessas atividades;
II. dirigir e acompanhar os processos de trabalho conduzidos por suas coordenadorias e monitorar a qualidade, a efetividade e a agilidade dos serviços prestados pelas unidades da Secretaria;
III. atender às necessidades demandadas pelas áreas da DPGU e promover o aconselhamento de seus dirigentes em matérias afetas a gestão da tecnologia da informação;
IV. promover a segurança da comunicação e da informação na DPGU e nos demais órgãos da DPU;
V. coordenar a gestão da tecnologia da informação no cumprimento da missão institucional da DPU e a integração da organização com seus cidadãos-usuários, sociedade, fornecedores e parceiros.

Art. 62. A Secretaria de Gestão da Informação é responsável pela condução do macroprocesso de trabalho de gestão da tecnologia da informação.

Art. 63. O macroprocesso de gestão da tecnologia da informação compreende as seguintes atividades:
I. planejar, coordenar e orientar as ações relativas à tecnologia da informação, desenvolvimento de sistemas, suporte técnico e orientação às áreas e usuários da de telemática da DPU;
II. coordenar a aquisição de software e serviços correlatos, sistemas de informação e bancos de dados, redes de comunicação, segurança da informação, suporte e relacionamento com o usuário de serviços e produtos de tecnologia da informação;
III. elaborar e implementar estratégias e diretrizes de tecnologia da informação para a DPU;
IV. identificar as necessidades de sistemas de informação e a racionalização dos recursos de tecnologia da informação;
V. orientar e coordenar o processo de planejamento e distribuição de recursos de tecnologia da informação para as unidades centrais e descentralizadas da DPU;
VI. coordenar o planejamento e direcionamento tecnológico no âmbito da DPU;
VII. elaborar e coordenar o processo para determinar as prioridades de investimento em Tecnologia da Informação, no âmbito da DPU;

Art. 64. O macroprocesso de gestão da tecnologia da informação está subdividido nos seguintes processos de trabalho:
I. gerenciamento de bancos de dados e de sistemas;
II. suporte técnico e atenção ao usuário;
III. gerenciamento da rede, comunicação e infraestrutura;
IV. gerenciamento de procedimentos operacionais.

Art. 65. Os processos de gerenciamento de banco de dados e de sistemas compreendem as seguintes atividades:
I. executar as atividades de administração de banco de dados e de desenvolvimento, implantação, manutenção corretiva e preventiva dos sistemas administrativos e apoio aos usuários no âmbito da DPU;
II. implantar os métodos, processos, técnicas, normas e padrões para o desenvolvimento e manutenção de sistemas de informação da DPU;
III. supervisionar os serviços de desenvolvimento e manutenção de sistemas e de gestão de banco de dados;
IV. gerenciar os projetos de desenvolvimento de sistemas de informação na DPU;
V. realizar estudos e elaborar a modelagem de dados com vistas à criação e implantação de sistemas administrativos no âmbito da DPU;
VI. gerenciar e executar a instalação, customização e integração dos sistemas de informação adquiridos ou desenvolvidos na DPU;
VII. desenvolver os requisitos para sistemas de informação na DPU;
VIII. gerenciar o desenvolvimento, implantação e manutenção das ferramentas tecnológicas do portal da DPU na web;
IX. acompanhar o desenvolvimento, os testes, a homologação e a implantação dos sistemas de informação executados por empresa contratada para esse fim, juntamente com a área solicitante;
X. acompanhar o funcionamento dos sistemas em produção na DPU, visando garantir produtividade, integração de serviços/sistemas e redução de custos de produção;
XI. implantar e propor alterações na política de acesso e gerenciamento do ambiente de banco de dados para a DPU;
XII. definir e gerenciar as ferramentas de apoio à administração de dados e de banco de dados na DPU e estabelecer normas para o seu uso;
XIII. padronizar os processos e fluxos operacionais dos serviços de dados e bancos de dados da DPU;
XIV. definir e manter atualizado o modelo de dados corporativo para facilitar a integração dos bancos de dados dos sistemas de informação;
XV. elaborar procedimentos de backup e de recuperação (“recovery”) dos bancos de dados da DPU, estabelecendo cronogramas de execução;
XVI. selecionar e validar tecnologias de gestão de dados e bancos de dados, a serem adotadas na DPU.

Art. 66. Os processos de trabalho de suporte técnico e de atenção ao usuário compreendem as seguintes atividades:
I. gerenciar o suporte técnico, a instalação, a configuração, os testes e a manutenção do ambiente de microcomputadores na DPU;
II. prestar atendimento aos usuários da DPU na utilização de software básico, sistemas de informação e aplicativos;
III. realizar a instalação de hardware e de software na rede de computadores da DPU;
IV. definir as especificações técnicas para subsidiar a aquisição de novos equipamentos de informática na DPU;
V. realizar levantamento das necessidades dos clientes de microinformática e providenciar soluções;
VI. realizar inventários nos computadores da DPU, para controlar a configuração e o uso de software homologados nos microcomputadores dos usuários;
VII. gerenciar o serviço de atendimento e suporte técnico de informática na DPU;
VIII. diagnosticar problemas de microinformática, de forma a subsidiar as manutenções;
IX. manter cadastro dos equipamentos de informática de propriedade da DPU testar e distribuir os equipamentos de informática adquiridos pela DPU.

Art. 67. O processo de trabalho de gerenciamento da rede, comunicação e infraestrutura, compreende as seguintes atividades:
I. acompanhar e avaliar a operacionalização dos recursos de tecnologia da informação existentes, providenciando a adoção de meios para sanar deficiências detectadas;
II. gerenciar e operar os equipamentos de rede e servidores da DPU;
III. monitorar o desempenho da rede de comunicação, com base nos parâmetros definidos pela COINF/DPGU, visando garantir o uso eficaz desses recursos na DPU;
IV. supervisionar as atividades de manutenção das estações de rede de computadores;
V. instalar, controlar e configurar versões de softwares de infra-estrutura;
VI. estabelecer normas e procedimentos para o uso da rede de comunicação;
VII. executar os procedimentos de proteção dos servidores contra acesso não autorizado;
VIII. implantar e manter procedimentos de segurança para proteger a rede de comunicação de dados da DPU;
IX. elaborar e manter o plano de contingência de tecnologia da informação da rede DPU;
X. orientar e gerenciar a implantação, a manutenção e a operação dos dispositivos de segurança relativos aos sistemas informatizados;
XI. administrar os recursos de hardware e software da rede;
XII. elaborar os projetos de cabeamentos lógicos e físicos de rede, bem como realizar testes de conectividade em redes locais;
XIII. implantar o plano de infra-estrutura tecnológica no âmbito da DPU;
XIV. implantar a política de segurança da rede de comunicação na DPU;
XV. prestar assessoramento à implantação de redes locais no âmbito das unidades descentralizadas, assegurando a sua interligação à rede de comunicação de dados da DPU;
XVI. prover e manter os serviços de conectividade (redes WAN e LAN), Internet e mensageria;
XVII. definir e manter a operacionalidade da infra-estrutura de processamento de dados da Defensoria;
XVIII. propor normas e procedimentos para guarda e manutenção da integridade do equipamento de informática e inviolabilidade dos dados da DPU;
XIX. supervisionar a execução pelos órgãos de atuação da DPU nos Estados e no Distrito Federal das normas e procedimentos referidos no inciso anterior.

Art. 68. O processo de trabalho de gerenciamento dos procedimentos operacionais compreende as seguintes atividades:
I. elaborar, adequar e monitorar os procedimentos operacionais padrões na área da Tecnologia da Informação para a instalação e configuração de equipamentos na rede da DPGU;
II. elaborar projetos de tecnologia da informação para implantação nas unidades da DPU;
III. implantar, no âmbito da DPU, a gestão de tecnologia de informação por meio de processos padronizados, documentados e divulgados;
IV. definir e propor os requisitos mínimos para as atribuições funcionais da área de tecnologia da informação no âmbito da DPU;
V. elaborar o planejamento para instalação de ambientes computacionais e serviços de tecnologia da informação nas unidades da DPU;
VI. avaliar e propor alterações nos padrões para hardware, software e infra-estrutura de redes, no âmbito da DPGU;
VII. definir e gerenciar a garantia de qualidade para os processos, produtos e serviços de tecnologia da informação no âmbito da DPU;
VIII. definir os padrões e processos para a aquisição de software e serviços correlatos na DPU;
IX. monitorar as tendências de negócio nos ambientes de tecnologia, infra-estrutura, leis e regulamentos;
X. elaborar o plano de infra-estrutura tecnológica de tecnologia da informação da DPU;
XI. definir e integrar a estrutura de processos de tecnologia da informação no âmbito da DPU;
XII. elaborar os manuais de operação dos sistemas administrativos em uso na DPU;
XIII. documentar e normalizar os sistemas associados aos processos institucionais da DPU;
XIV. elaborar e gerenciar a execução do Plano Diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação da DPU;
XV. elaborar o planejamento das atividades relativas ao desenvolvimento de sistemas de informática;
XVI. acompanhar os projetos afetos à gestão da tecnologia da informação em execução na Secretaria-Geral Executiva;
XVII. propor normas e procedimentos para a elaboração e acompanhamento de planos anuais e plurianuais, concernentes às unidades integrantes do Sistema de Informática;
XVIII. planejar, gerenciar e exercer as atividades de busca de soluções técnicas de software junto ao mercado;
XIX. executar as atividades destinadas à elaboração da documentação dos sistemas administrativos, dos formulários e dos manuais de usuários;
XX. racionalizar rotinas administrativas para a implantação e utilização dos sistemas informatizados;
XXI. padronizar a documentação relativa aos sistemas desenvolvidos no âmbito da DPU;
XXII. catalogar e atualizar a biblioteca de programas e sistemas desenvolvidos no âmbito da DPU;
XXIII. gerenciar e divulgar as normas técnicas de informática no âmbito da DPU.

end faq

 

Organograma da Administração Superior da DPU

 

Organograma da Defensoria Pública da União Secretaria da Tecnologia da InformaçãoSecretaria de Orçamento e FinançasSecretaria de Logística e PatrimônioSecretaria de Gestão de PessoasSecretaria de Gestão do ConhecimentoSecretaria de Execução Orçamentária e FinanceiraSecretaria de Assuntos JurídicosSecretaria de Acompanhamento e Orientação da GestãoSecretaria de AuditoriaSecretaria de Atuação no Sistema Penitenciário Nacional e Conselhos PenitenciáriosSecretaria de Atuação ItineranteSecretaria de Conciliação Extrajudicial e Educação em DireitosSecretaria de Assuntos InternacionaisSecretaria de Direitos HumanosEscola Superior da Defensoria Pública da UniãoSecretaria Geral ExecutivaSecretaria-Geral de Controle Interno e AuditoriaSecretaria-Geral de Articulação InstitucionalAssessoria de MemóriaAssessoria de Atuação no Supremo Tribunal Câmaras de Coordenação e RevisãoAssessoria JurídicaAssessoria de Assuntos LegislativosAssessoria de Comunicação SocialAssessoria de Planejamento, Estratégia e Modernização da GestãoConselho Superior da Defensoria Pública da UniãoDefensor Público-Geral FederalSubdefensor Público-Geral FederalCorregedoria Geral Defensoria Pública da UniãoGabinete do Defensor Público FederalAssessoria de Cerimonial e Eventos