rs jurisperitaPorto Alegre – A defensora pública-chefe da 2ª categoria da Defensoria Pública da União (DPU) em Porto Alegre (RS), Regina Taube, compôs a mesa de abertura do Jurisperita – O Feminino no Direito: Academia e Carreiras Jurídicas. O objetivo do evento foi trazer mulheres de relevo nos cenários jurídicos gaúcho e nacional para refletir sobre o caráter cíclico da conquista civilizatória do acesso da mulher à formação e atuação jurídicas.

Foto: Victor Vargas CulauO encontro ocorreu nos dias 3 e 4 de outubro no Salão Nobre da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), e foi realizado em parceria com a Defensoria Pública da União (DPU) e demais instituições.

No evento, a defensora Regina Taube contou sobre sua experiência pessoal como mulher defensora pública dentro do contexto das carreiras jurídicas, passando pela estrutura organizacional da DPU e pelo perfil do nosso público feminino.

Também participaram do encontro a procuradora-geral de Porto Alegre e professora de Direito Constitucional da UFRGS, Eunice Ferreira Nequete; a procuradora de justiça do MP-RS Jacqueline Fagundes Rosenfeld; o dirigente do núcleo de defesa da mulher da Defensoria Pública do Estado, Patrícia Pithan Pagnussat Fan; a professora de Direito Romano e História do Direito da UFRGS, Dalva Carmem Tonato; a professora Permanente e Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Direito da UFRGS, Cláudia Lima Marques; e as professoras de Direito Penal da UFRGS Vanessa Chiari Gonçalves e Ana Paula Motta Costa. A programação incluiu atividades com promotoras, procuradoras, juízas, desembargadoras e advogadas, além de professoras e pesquisadoras da UFRGS.

GGS/KNM
Assessoria de Comunicação Social
Defensoria Pública da União