Importância do Projeto para a DPU

 

Heverton Gisclan Silva

O Projeto DPU cultural, emerge do contexto atual brasileiro no qual a Defensoria Pública da União apresenta-se como imprescindível expressão de legitimação do regime democrático. Além de contribuir, substancialmente, neste contexto, para a visibilidade das realizações da Defensoria Pública da União, essa iniciativa tem o mérito de fazer emergir bens culturais inovadores resultantes da articulação interinstitucional entre áreas do saber na busca de novas e eficientes formas expressivas.

É neste sentido que a proposta de um projeto cultural se apresenta como dispositivo de ampliação de possibilidades comunicativas das realizações empreendidas pela equipe de defensores em ação no país. A diversidade dos projetos empreendidos, junto às mais diferentes comunidades assistidas, precisa adquirir visibilidade também por meios diversificados.

A amplitude dos modos de expressão utilizados pela linguagem artística base de apoio para o Projeto DPU Cultural intenta romper com a hegemonia linguística que restringe as realizações defensoriais ao âmbito jurídico e circunscreve os feitos por meio de descrições técnicas fundamentadas em aportes teóricos especializado.

As ações constitutivas do projeto pressupõem contatos com instituições de ensino superior e órgãos governamentais, tais como: Universidade de Brasília, Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura/MinC, Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural – SCDC/MinC, Secretaria da Mulher/Câmara dos Deputados, Superior Tribunal de Justiça, Conselho de Justiça Federal, Biblioteca Nacional de Brasília, Hospital de Dermatologia Sanitária e Reabilitação Santa Marta – Associação dos Portadores de Hanseníase, além de instituições de produção cultural.